Linke-me


sexta-feira, 22 de junho de 2007

A Arte da Comunicação

A arte de nos comunicarmos, de nos expressarmos por meio de palavras, palavras percebidas e recebidas pelo outro,estas nem sempre ditas, mas subtendidas por meio de um olhar,um tom de voz um pouco diferente, um levantar de sobrancelhas, um sorriso...
Saber falar e ouvir no momento certo... Saber falar é saber se expressar, respeitar a
opinião do outro.
..Saber ouvir vai muito além do que imaginas... Não só ouça, mas se coloque no lugar do outro.Assim irás saber, ou até mesmo compreender a verdadeira arte das palavras, da comunicação.


3 Comments:

Hete Souza said...

É isso aí Su, o "saber ouvir" é muito importante pra transmissão e recepção da mensagem...bjs.bjs

Pherum said...

A comunicação não tem língua certa para acontecer, ela simplesmente ocorre, até porque o homem tem essa necessidade de expandir-se por meio da comunicação. Quem ousa dizer que alguém conseguiria viver só [ninguém, certamente], sem entrar no mérito de que o homem, para sobreviver, precisa de outros homens, como própria da dinâmica da produção e distribuição de alimentos.
As linguagens, como enfatizado neste blog, são vários, múltiplos, não necessariamente por meio de palavras, pois estas por vezes são reducionistas, simplificam um sentimento, um olhar, um desejo.
No fim descobre-se que tudo é comunicação, tudo pode ser meio, tudo carrega mensagens, ocultas ou explícitas, e, incrivelmente, até nós somos mensagens,a comunicação em si, o amor é o principal exemplo, já que ele para ser vivo exije que existam hospedeiros dispostos a enfrentá-lo. Assim, o amor, [fim], materializa-se e se concretiza em nós, humanos, [meios].
E quando tudo dá certo fica difícl dizer o que já é fim ou o que foi meio, mas aí pouco importa saber disso, posto que o canal comunicativo alcançado é o da FELICIDADE. E isso já é muito; se concretizado, melhor ainda!

Marcio said...

Grande sacada essa tua Su. A comunicação é nossa maior arma, para nossa felicidade, mas infelizmente também pode ser usada para a nossa destruição. Costumo dizer que ela é uma faca de dois gumes. O sentir é o mais importante, saber reconhecer não só uma palavra mais um signo. Pois já dizia o poeta: O silencio vale mais que mil palavras. Bjus pra ti...